20-trasera-final-logo-logo_camp_hondarribia-1

IX Campeonato do Mundo de Pesca Embarcada Clubes

S. Sebastian – Espanha

Viagem e treinos

As equipas representantes do nosso país saíram do Algarve para disputar este campeonato doo Mundo, no dia 20 de Outubro com destino a Errenteria, perto de S. Sebastian, no norte de Espanha, junto à fronteira com França.
As equipas do CPND Albufeira (Alexandre Dionísio, Célio Alves (Sup/Cap), João Pardal, José Luis Costa e Nuno Sousa) e GN Olhão (Eduardo Guela, Francisco Frazão, Norberto Martins (Sup/Cap), Rui Soares e Tomé Jóia) fizeram a viagem para S. Sebastian nas viaturas dos seus Clubes numa distância de cerca de 1150 Km sempre com boa disposição e bem à maneira que nos caracteriza. Queremos a gentileza do convite para a presença neste mundial do Presidente da FPPDAM que os irá ajudar em tudo o que seja possível.
O objetivo foi de realizar dois treinos no local onde se iria disputar o campeonato e para tal foram alugadas duas embarcações (uma para cada equipa). Os mestres destas embarcações (muito boas para o pretendido) foram inexcedíveis para mostrar aos nossos atletas as condições e tipo de pesca que se pratica no local.

dscn0820_1
Nestes dias foram capturados alguns belos exemplares e concluiu-se, basicamente que a pesca é realizada nas mesmas condições do nosso país, quer sejam de mar ou na qualidade e modo dos equipamentos utilizados.
Acerca dos peixes capturados, podemos indicar: muitas ganópas (muitas mesmo), algumas Bicas, alguns sargos, algumas choupas, alguns besugos…..). Como se vê os peixes são das mesmas espécies que se capturam no nosso país e os tamanhos também são sensivelmente os mesmos, só qu quando referi alguns , são mesmo alguns.
Como aspeto negativo destes dias temos o facto de termos que mudar de hotel, dos treinos, para a competição oficial, situação sempre de evitar numa competição deste tipo, mas que nos foi prontamente justificada pela organização e aceite por nós.
Com aspetos positivos todo o resto, de salientar o convite do Presidente da Federation Vasca de Pesca para que fossemos jantar à sua sociedade com comida preparada por ele, que estava 5*****. Obrigado TXELIS.
Este campeonato já é um record com a participação de 22 equipas, mas o que o torna “sui generis” é existirem para a competição 21 barcos que levam 4 atletas e um barco que leva três pescadores. Desta forma, ordenam-se os primeiros e os segundos e depois todos os outros serão terceiros….
Quero pedir desculpa por só agora vir ao vosso contacto, mas terá sido impossível tê-lo feito antes. Prometo que iremos tentar dar-vos a conhecer o que se passa por estas bandas durante o campeonato que esperamos possa ver as nossas equipas no pódium.
Amanhã será o dia da reunião de capitães e da cerimónia de abertura. Voltaremos ao vosso contacto.

dscn0826_1
Saudações a todos, mas em especial às nossas famílias
IX Campeonato do Mundo de Pesca Embarcada Clubes – 2016
S. Sebastian – Espanha

1º Dia:Reunião de Capitães e cerimónia de Abertura

1º Dia – Reunião de Capitães e cerimónia de Abertura

Após o pequeno-almoço realizou-se a habitual reunião de capitães para esclarecimento de questões de ordem técnica e logística. Dos esclarecimentos habituais, evidencio que passou a ser interdito fumar nas embarcações, interdita a utilização do t-móvel, a proibição de qualquer mutilação no peixe e o facto de se poder fazer lançamentos apenas para a frente, ou de modo a não ser invadida a área de pesca dos outros atletas.
Foi eleito o Júri Internacional efetivo (José Ramon Aldanondo – FIPS-M, Ronny de Ranter – FIPS-M e Carlos Vinagre – FPPDAM) e reserva (Atilio De la Porta – FIPSAS e José uis Iñigo – Organização).

dscn0946_1
Foram efetuados os sorteios para os três dias e definidas as áreas de pesca para cada um deles (facto não habitual noutros campeonatos).
Ao final da tarde realizou-se o desfile pela lindíssima baía de S. Sebastian em direção ao salão nobre do Município, onde se realizou a cerimónia de abertura.
De salientar o excelente e garboso desempenho do Tomé Joia como porta-bandeira Nacional.
Amanhã realiza-se o treino Oficial em que cada equipa treina junta numa das embarcações.
Irá correr bem, com certeza, dado o empenho dos atletas das duas equipas portuguesas o GN Olhão e o CPND Albufeira. Após o treino há que fazer os último acertos e no dia seguinte já é a doer.
Amanhã tentarei fazer novo ponto de situação. Abraços a todos daqui do País Basco”

2º Dia – Treino Oficial – 24OUT2016

2º Dia – Treino Oficial

Hoje realizou-se o Treino Oficial. Estavam previstas condições meteorológicas adversas mas afinal o mar esteve melhor hoje que nos outros dias de treino.
Apesar do desejo do representante da FIPS-M no seu discurso de que houvesse “uma manifestação de peixes, em Hondarribia, em homenagem ao rei Neptuno”, este não foi cumprido porque mais uma vez, e ainda pior que nos dias anteriores, o peixe foi escasso. Esta situação leva a prever que mais uma vez o campeonato seja uma lotaria, porque quem tiver a sorte de capturar um ou dois peixes bons, poderá vencer no seu barco ou mesmo a prova desse dia. Esperemos que a lotaria saía às nossas equipas, que o merecem pela persistência e empenho que estão a pôr neste campeonato.

14681846_609349742584543_2401506263113098703_n
Esta zona foi mal escolhida para treino, dada a escassez de peixe, porque se se pretendia que os atletas treinassem esse objetivo não foi conseguido. Quem consegue treinar sem peixe? Ninguém com certeza…
Mas pronto este dia já passou e os atletas estão recolhidos a fazer as últimas afinações antes do primeiro dia de provas e a fazer com que passe aquele nervoso miudinho característico destas alturas. Podem crer que estão tão nervosos os que vão competir como os que vão ficar em terra à espera da usa vez. Em próximos registos direi como as equipas irão fazer em relação à intervenção dos reservas.
No sorteio ninguém pode dizer que lhe saiu um “bom” barco, porque a este nível não existem barcos “bons”. Mas alguns atletas terão algumas maiores dificuldades e a título de exemplo indico que o Norberto do GN Olhão leva no seu barco o Marco Volpi da Lenza Emiliana Tubertini e o Alexandre do CPND Albufeiratambém leva um atleta do citado clube (Campeão em título) o Gabriele Brunettin, mais um italiano o Mauro Salvatori e um atleta francês. Mas não pensem com isto que os outros atletas das nossas equipas têm tarefa facilitada.
Como todos vós estamos a “torcer” por eles. Força Campeões….

3º Dia – 1º Dia de provas – 25OUT2016

3º Dia – 1º Dia de provas

Já começou o Campeonato do Mundo e com um muito bom desempenho das equipas representantes do nosso país:

– GN Olhão – 4º lugar;
– CPND Albufeira – 6º Lugar;

Um bom inicio que que nos põe a pensar numa classificação histórica destas duas equipas. Os nossos atletas fizeram muito boas classificações individuais o que levou a esta classificação, numa área de peixe escasso e em que a lotaria que prevíamos, aconteceu. Não nos saiu a nós mas tivemos alguma aproximação e com um pouco mis de sorte poderíamos estar ainda melhor classificados.
Só adianta pensar no que já passou para emendar alguns erros e há que olhar em frente e melhorar esta classificação geral.

dia3
Relativamente a substituições de atletas o GN Olhão adotou a solução de que o atleta com pior classificação sairia para entrar o reserva, mas se o reserva que entrou for o pior classificado no 2º dia não sairá da equipa mas sim o imediatamente anterior. Esta solução permite que um atleta que vai ao mundial pesque pelo menos dois dias de prova.
O CPND Albufeira adota o critério de que o atleta que se classificou pior é substituído pelo que está de fora, sempre e seja em que circunstância.
Ressalvam-se aqui as situações de doença ou vontade do atleta em não ir pescar.
Assim amanhã saí o Rui Soares e entra o Tomé Joia no GN Olhão e no CPND Albufeira saí o Alexandre Dionísio e entra o Célio Alves.
Que corra a todos o melhor possível.
Amanhã cá estaremos a divulgar as classificações do 2º dia de prova.
Para consulta das classificações do 1ª dia de provas consultar os liks:
Individual: http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/pdf/15/individual-1.pdf
Clubes: http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/pdf/15/clubs-1.pdf

4º Dia – 2º Dia de provas – 26OUT2016

4º Dia – 2º Dia de provas

As equipas portuguesas, hoje, tiveram um desempenho abaixo dos seu real valor o que levou a que com as classificações obtidas (GN Olhão – 14º lugar e CPND Albufeira – 12º lugar) descessem na classificação geral acumulada dos dois dias e que ficassem ambas com os mesmos e respetivamente no 7º e 8º lugar.
Os links abaixo dão acesso às classificações oficiais.
O que poderemos dizer? A este nível e com um Campeonato do mundo disputada desta forma a sorte é um fator determinante para o triunfo nesta competição. Senão vejam, segundo o relato de um dos nossos atletas um dos que ía consigo no barco, um italiano de renome, estava em último no barco nos momentos finais da prova apanhou uma choupa grande e passou para 2º, e eu para 3º. Isto é o quês se tem passado na maioria dos barcos.

dia4
Se os nossos atletas não estão melhor classificados não é por falta de empenho e vontade de ficar melhor, eles são persistentes grandes pescadores e não voltam a cara à luta, por isso amanhã irão dar o melhor de si e tentar chamar a sorte e melhorar as suas classificações.
Uma palava de alento para o Norberto que pela 2ª vez neste campeonato está a competir na sua embarcação com o Marco Volpi, para o Alexandre e o Frazão que estão a competir os dois no mesmo barco e para o Pardal o desafio de fazer o seu terceiro 1º lugar do barco nesta competição. Para todos os outros, que também têm “ossos duros de roer”, dar tudo para vencerem as suas embarcações.
Força Campões.
Um abraço a todos daqui do País Basco.
Individual 2º dia:
http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/…/15/individual-2.pdf
Clubes 2º dia:
http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/pdf/15/clubs-2.pdf
Acumulada:
http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/pdf/15/clubs-cumulated-2.pdf

5º Dia – 3º Dia de provas – 27OUT2016

5º Dia – 3º Dia de provas

A nossa imagem foi dignificada com o exemplar desempenho dos nosso dois clubes, apesar das condições adversas. Todos se empenharam ao máximo e deram tudo o que tinham para que a sua classificação fosse a melhor.
As classificações, que podem consultar nos links abaixo, foram o possível ficando ambos na primeira metade da tabela (CPND Albufetra – 7º lugar e GN Olhão – 9º) e apenas superadas por 4 equipas italianas e duas espanholas. Para os apoios que tem a pesca desportiva no nosso país e dado que os atletas são todos amadores é de todos ficarmos orgulhosos pelo que conseguiram. Estão todos de parabéns quer sejam efetivos ou reservas, porque vimos o vosso trabalho e a dedicação que tiveram.

14633489_914902341979218_899089518038432419_o
Uma palavra de agradecimento aos familiares pelo apoio que sempre dão aos atletas e pelo facto de deles ficarem privados durante, cerca de 10 dias. Só faltam dois …
O nosso apreço ao trabalho realizado pelos clubes porque tornam possível a participação dos atletas nestas provas internacionais e pelo apoio e disponibilidade que sempre dão à federação nas nossas mais diversas atividades. Pedimos apenas um esforço complementar na criação de escolas de pesca embarcada. Mas este é um assunto para falarmos noutro local… Agora é altura de carregar baterias e desfrutar do que resta deste Campeonato Mundial.
A todos vós obrigado por nos terem acompanhado e fica aqui a promessa de uma análise mais profunda a este mundial.
ATÉ JÁ. Um abraço a todos.
Classificações:
Individual 3º dia: http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/…/15/individual-3.pdf
Clubes 3º dia: http://www.fips-m.org/media/com_hsdraw/pdf/15/clubs-3.pdf
Final : http://www.fips-m.org/med…/com_hsdraw/…/15/clubs-final-3.pdf